Políticos e exército incentivam que soldados ‘atirem para matar’

RELATÓRIO DE HUMAN RIGHTS WATCH SOBRE ISRAEL

Políticos e exército incentivam que soldados ‘atirem para matar’

Integrantes do alto escalão das forças de segurança e o governo de Israel incentivam seus subordinados a "atirar para matar" os palestinos desde que começou a onda de ataques em 2015, inclusive quando os mesmos não representam ameaça para segurança, denunciou a ONG internacional HRW (Human Rights Watch) em um relatório apresentado nesta segunda-feira (02/01).


Arcebispo de Tánxer desmente Delegación do Goberno

"DOUS EMIGRANTES MORTOS. OUTRO PERDEU UN OLLO"

Arcebispo de Tánxer desmente Delegación do Goberno

O arcebispo de Tánxer, Santiago Agrelo, asegura que dous mozos, un de Camerún e outro de Guinea Conakry, perderon a vida no intento de salto ao valo fronteirizo de Ceuta a pasada Noitevella. O relixioso afirma tamén que outro mozo camerunés, non un xendarme marroquí, perdeu un ollo no decurso dos incidentes, o que contradi a información da Delegación do Goberno en Ceuta.


RIXSTEP

Assange: caso encerrado

Assim, Julian Assange conseguiu finalmente submeter sua declaração à evasiva Marianne Ny. As coisas correram quase rapidamente – levou apenas 74 meses. Mas agora está feito.