Negada entrada em Israel a ativista do grupo norte-americano pro-palestiniano Code Pink

"QUEM AGIR EM PROL DE UM BOICOTE A ISRAEL NÃO ENTRARÁ"

Negada entrada em Israel a ativista do grupo norte-americano pro-palestiniano Code Pink

Ariel Gold, ativista judia dos Code Pink, ia participar num programa de estudos judaicos na Universidade Hebraica, mas ministros consideraram que queria pressionar um boicote a Israel. O país prepara-se para fechar as portas a apoiantes da causa palestiniana. Com esta nova política, parece tornar-se muito mais difícil que a comunidade internacional possa saber o que se passa na situação de colonização da Palestina por parte de Israel.


La cifra negra: estrea en Compostela do documentario sobre a violencia institucional

SALA NUMAX - DOMINGO 08/07 - 22:00 HORAS

La cifra negra: estrea en Compostela do documentario sobre a violencia institucional

O filme mostra unha panorámica dos abusos e tortura nos cárceres do Reino de España através de 30 casos paradigmáticos e analisa o índice de impunidade. Vítimas, avogados, xuízas, policías, persoas do ámbito dos dereitos humanos… examinan as causas e sinalan posíbeis vías de traballo. Participan expertos como Jorge del Cura ou Iñaki Rivera e actores como Willy Toledo ou Isak Férriz. No coloquio posterior á proxección participará David Soto (de EsCULcA).


Seis independentistas ainda cumpren condena en cárceres fora da Galiza

APLICARÁ TAMÉN NESTE CASO A LEI O GOBERNO ESPAÑOL?

Seis independentistas ainda cumpren condena en cárceres fora da Galiza

Roberto Rodríguez Fialhega, Raul Aguilheiro Cartoi, Eduardo Vigo Domínguez, María Osorio Lopes, Adrián Mosquera Pazos e Carlos Calvo Varela son seis xovens independentistas que cumpren condena fora da Galiza sen que o Goberno de Pedro Sánchez, con diferenza ao que fai con independentistas da Catalunya e o que anuncia que fará con algunhas persoas vascas tamén independentistas, diga nada a respecto da súa transferencia a cárceres da Galiza..


Califican de operación cosmética as proopostas para substituir a Lei Mordaza

PLATAFORMA "NON SOMOS DELITO"

Califican de operación cosmética as proopostas para substituir a Lei Mordaza

En vigor desde o 1 de xullo de 2015, a Lei de Seguranza Cidadá aprobada polo PP supuxo a imposición de 285.000 sancións no seu primeiro ano e medio. 44.500 delas por falta de respecto a axentes policiais. Fronte ao texto aprobado polo Partido Popular, no Congreso continúan en trámite -desde xaneiro de 2017- dúas propostas apresentadas polo PSOE e o PNV. O PSOE afirma que están dispostos a traballar sobre o texto presentado por PNV para axilizar o trámite.


Organizações jornalísticas procuram crianças separadas de mães e pais polo governo Trump

ESTIMAM ENTRE 3.700 E 6.000 CRIANÇAS EXTRAVIADAS

Organizações jornalísticas procuram crianças separadas de mães e pais polo governo Trump

Um juiz federal determinou que o governo Trump comece a reunificar as famílias que separou, mas fica a pergunta: consegue fazer isso? Irá fazer? Quem são essas crianças? Onde elas estão? E onde estão seus pais? Enquanto um exército de advogados desce até a fronteira para enfrentar a crise promovida pelo governo Trump, as organizações jornalísticas ProPublica, BuzzFeed News, The Intercept, Univision News, Animal Político, Plaza Pública e El Faro já estão a trabalhar nisso.