Argentina : Polícia cega manifestantes com balas de borracha

MIRANDO NA CABEÇA

Argentina : Polícia cega manifestantes com balas de borracha

Ele gritou que estava apenas trabalhando, mas não adiantou. A 3 metros de distância, segundo ele, um policial mirou em sua cabeça e apertou o gatilho. Palazón se abaixou e tentou se proteger com os braços, mas algo já havia atingido seu olho direito. Mais tarde, um médico lhe diria que o impacto da bala de borracha havia sido tão devastador que parecia que seu olho havia sido picado em mil pedacinhos. Ele não foi o único que perdeu um olho naquele dia.