Death of a President

GABRIEL RANGE

Death of a President

 Certa noite de outubro de 2007, o presidente norte-americano George W. Bush discursava para um grupo de empresários no hotel Sheraton em Chicago. Ao mesmo tempo, do lado de fora do prédio, uma multidão feroz protestava contra as guerras iniciadas pelo seu governo. Indiferente à manifestação popular, o estadista caminha pelo hall cumprimentando algumas personalidades políticas importantes, quando, em meio a um tumulto, alguns tiros são disparados contra o presidente, que é assassinado em frente às câmeras.


The Conspirator

DIRECTOR: ROBERT REFORD

The Conspirator

Conspiração Americana se passa em 1865, durante o julgamento dos assassinos do presidente Abraham Lincoln, mas o filme obviamente está tratando do Ato Patriota e da política do medo dos EUA nos anos 2000, quando os direitos civis e a própria Constituição foram colocados de lado em nome da defesa nacional.


Extraordinary rendition

JAMES THREAPLETON

Extraordinary rendition

Um indivíduo é sequestrado nas ruas de Londres e levado em vóos secretos a um país desconhecido. Obrigado a permanecer en prisom incomunicada e sem contato com o mundo exterior, vive o pesadelo da detençom ilegal sem julgamento, interrogatórios e tortura. Transportado meses mais tarde sem nengum tipo de explicaçom de volta ao Reino Unido meses, empreende o difícil lavor de reunir os troços de umha vida esnaquizada num mundo que já nom reconhece.
 


Roteiro para o Apartheid

DOCUMENTÁRIO

Roteiro para o Apartheid

"Roteiro para o Apartheid", um documentário realizado por Ana Nogueira e Eron Davidson, mostra-nos as semelhanças entre o regime de apartheid sul-africano e o atual apartheid a que Israel sujeita o povo palestino.

O paralelo entre a situação dos dois países é bem conhecido da dupla de realizadores: Ana Nogueira nasceu na África do Sul, foi produtora do programa Democracy Now e fundadora do Indymedia em Nova Iorque e do jornal Indypendent, enquanto Eron Davidson, realizador e ativista dos media, nasceu em Israel.


4 días en Guantánamo

PATRICIO HENRÍQUEZ E LUC COTÉ

4 días en Guantánamo

Baseado nun vídeo secreto de sete horas captado por unha cámara de vixilancia nunha cela de Guantánamo e feito público polos tribunais canadenses, este documental revela a dramática intensidade dun interrogatorio que durou catro días. Un equipo da policía secreta canadense somete a Omar Khadr, canadense de 16 anos de idade, a diversos métodos de tortura. Conservando o estilo dunha pantalla de seguridade, o filme analiza os aspectos científicos, legais e políticos dun diálogo forzado.