Arxentina: Mulleres indíxenas reclaman que o ‘chineo’ sexa declarado crime de odio

UNHA PRÁCTICA QUE NACE COA COLONIZACIÓN ESPAÑOLA

Arxentina: Mulleres indíxenas reclaman que o ‘chineo’ sexa declarado crime de odio

O ‘chineo’ é unha práctica que vén de moi lonxe, máis concretamente desde a colonización (os españois chamaban chinesas as nenas indíxenas, polos seus ollos rasgados) e que se perpetúa até estes días, sobretodo no norte do país. O ‘chineo’ é a violación sistemática de nenas indíxenas a mans dos crioulos, isto é, homes adultos, latifundiarios con forte poder político e/ou económico, de policías e membros da igrexa. “Isto é un xenocidio e ímos defendernos irmás”.


Após 147 dias, prisioneiros palestinos continuam a boicotar cortes de Israel

PROTESTAM CONTRA DETENÇÃO ADMINISTRATIVA

Após 147 dias, prisioneiros palestinos continuam a boicotar cortes de Israel

Palestinos sob detenção administrativa -sem julgamento formal ou sequer acusação, deferida arbitrariamente pelo judiciário israelense- continuam a boicotar as cortes militares da ocupação, após 147 dias consecutivos de protestos. Mais de 450 prisioneiros participam do boicote, como forma de denunciar a prática ilegal adotada pelo apartheid para encarcerar indefinidamente cidadãos palestinos. Em 2021, Israel emitiu mais de 1.500 mandados de detenção administrativa.


Al Jazeera vai levar assassinato de jornalista ao Tribunal Penal Internacional

O TIRO, COM UM ALVO DEFINIDO, VEIO DAS TROPAS ISRAELITAS

Al Jazeera vai levar assassinato de jornalista ao Tribunal Penal Internacional

Al Jazeera anunciou esta quinta-feira que uma equipa de juristas da empresa e peritos internacionais estão a preparar uma queixa ao TPI sobre o assassinato da sua jornalista Shireen Abu Akleh na Cisjordânia a 11 de maio. Nesta queixa, a Al Jazeera quer também incluir o bombardeamento israelita de maio de 2021 que destruiu por completo o edifício da sua delegação em Gaza. Justiça palestiniana concluiu que Shireen Abu Akleh foi morta por um tiro de um soldado israelita.


Brasil: Polícias transformam viatura em câmara de gás e matam homem negro

NAZISTAS TAMBÉM MATAVAM EM CAMINHÕES DE GÁS

Brasil: Polícias transformam viatura em câmara de gás e matam homem negro

Um homem morreu no começo da tarde desta quarta-feira (25) após uma abordagem violenta de policiais rodoviários federais, no município de Umbaúba, no sul de Sergipe. Vídeos de moradores flagraram o momento em que policiais prenderam a vítima no porta-malas do carro e populares alertavam que ele poderia morrer sufocado com o gás lacrimogênio. O historiador Teixeira da Silva lembra que antes das câmaras de gás, nazistas matavam em caminhões de gás.


Tribunal internacional dos povos julga Bolsonaro por ‘gestão criminosa’ na pandemia

ACUSAM GOVERNO DE NEGACIONISMO E DESORGANIZAÇÃO

Tribunal internacional dos povos julga Bolsonaro por ‘gestão criminosa’ na pandemia

“Autoritarismo”, “ameaças à democracia”, “desmonte do SUS”, “negacionismo”, “desorganização”, “gestão criminosa”. Estas foram algumas das acusações apresentadas na passada terça-feira (24/05) por testemunhas que participaram do primeiro dia do julgamento de Bolsonaro no Tribunal Permanente dos Povos. Fundado em 1979, o TPP substituiu o Tribunal Russell, que investigou crimes cometidos pelos EUA durante intervenção militar no Vietnã e as ditaduras militares.