O novo velho continente e suas contradições: Steve Bannon e a ofensiva da extrema direita

BRUXELAS, QUARTEL GENERAL DO SEU THE MOVEMENT

O novo velho continente e suas contradições: Steve Bannon e a ofensiva da extrema direita

A ofensiva da extrema direita tenta ocupar espaços no solo da Europa, onde um dia a sua matriz construiu uma triste e trágica história. Países como a Polônia e a Hungria estão virtualmente ocupados e vários outros abrigam partidos que trabalham para desestabilizar a democracia e substituí-la por regimes populistas, radicais e reacionários. Um ardiloso agente dessa ação que pretende subverter por dentro os sistemas democráticos europeus chama-se Steve Bannon.


Ataques à comunidade muçulmana na Índia fazem dezenas de mortos

SUPREMACISMO RELIGIOSO NAS RUAS E NAS INSTITUIÇÕES

Ataques à comunidade muçulmana na Índia fazem dezenas de mortos

Os protestos contra a discriminação de muçulmanos no acesso à nacionalidade deram origem a ataques praticados por hindus de extrema direita. Há centenas de feridos, edifícios incendiados, bandeiras hindus içadas em mesquitas e milhares fugiram de suas casas. Esta é a pior vaga de violência religiosa que a Índia vê nas últimas décadas. O ministro de Deli defende que o exército seja chamado para as ruas enquanto Modi só ao terceiro dia se lembrou de apelar à calma.


Da democracia à teocracia: está a Índia a tornar-se numa nação hindu?

MINORIAS RELIGIOSAS SÃO CIDADANIA DE SEGUNDA CLASSE

Da democracia à teocracia: está a Índia a tornar-se numa nação hindu?

A maior democracia do mundo, a Índia, conhecida pela sua colorida diversidade e por Mahatma Gandhi, é atualmente caracterizada pela intolerância religiosa, linchamentos, violência contra a minoria muçulmana e um hegemónico fundamentalismo hindu. Sob o governo do primeiro ministro nacionalista hindu de extrema direita, Narendra Modi, a Índia tem passado gradualmente de uma democracia vibrante para um estado teocrático hindu.