O papel de axentes israelitas no xenocidio político colombiano – Dan Cohen

Entre maio de 1984 e decembro de 2002, o “xenocidio político” na Colombia deixou máis de 6 mil vítimas da Unión Patriótica (asasinatos, desaparicións, torturas, deslocamentos forzados e outras violacións aos dereitos humanos). Cando en 2002 Álvaro Uribe foi elixido presidente, o partido deixara de existir. Segundo unha recente investigación do recoñecido xornalista colombiano Alberto Donadio, o exterminio foi ideado polo sucesor de Betancur, o presidente Virgilio Barco Vargas, executando un plano elaborado por un dos espías máis condecorados na historia israelita, Rafael ‘Rafi’ Eitan.


Guerra às drogas, guerra aos pobres – Gil Luiz Mendes

“Não existe guerra sem inimigo, e o objetivo de qualquer combate é eliminar o inimigo. Só que quando falamos da guerra às drogas esse inimigo foi criado por estereótipos sociais construídos durante os anos. E quem é esse inimigo? É desde sempre aqueles que são diferentes dos que estão no poder. No Brasil são aqueles que estão na periferia”, analisa Roberto Tardelli.


ENTRE O EXTERMÍNIO E A EMANCIPAÇÃO

Colômbia: Um muro na mídia está bloqueando informação sobre o que acontece nessa histórica mobilização – Laura Carlsen

A greve nacional na Colômbia já completa um mês, sua mobilização alcançando proporções históricas para a nação e para a América Latina. Os protestos contra o governo nunca cessam. Esta fase da resistência começou como um grito de protesto contra uma reforma tributária que iria aumentar impostos de produtos básicos e serviços, encarecendo o custo de vida em um país onde o desemprego, a pobreza e a desigualdade estão em níveis sem precedentes. Agora se tornou uma luta entre o extermínio e a emancipação.


Confinamento solitario: unha tortura (i)legal – Elena Martín

Para as presas e presos do Estado español o confinamento en soidade non é algo excepcional, un tema que denuncian varias asociacións sobre a prevención da tortura nos cárceres. Unha delas, o observatorio Esculca, leva meses cunha campaña pola abolición do confinamento solitario en prisión, unha realidade que, consideran, é “un cárcere dentro do cárcere” e que afecta case un milleiro de persoas presas na actualidade. Segundo a estatística actual de Instituciones Penitenciarias, 833 homes e 60 mulleres.


Um comentário sobre a situação na Colômbia – Sergio Ovalle

28 de abril de 2021 marcará a Colômbia como o dia em que houve uma explosão social sem precedentes na história recente, o mais próximo, talvez, do que aconteceu desde esse dia até hoje, foram as mobilizações do famoso «Bogotazo», ou melhor “Colombianazo” de 9 de abril de 1948 após o assassinato de Jorge Eliecer Gaitan o «caudillo del pueblo».